13/11/2016

#Resenha 92, Entropia, do autor Alexandre Marques Rodrigues.

Sinopse: Um ousado romance do mesmo autor de ''Parafilias''. Em ''Entropia'', Alexandre Marques Rodrigues mais uma vez mostra pleno domínio das técnicas narrativas: em um ousado romance, o autor se emaranha por toda a complexidade de seus personagens, em um enredo que se desconcentra na ideia, concretizada ou não, de viagem, de procura (ou será de fuga?) de si mesmo ou do corpo enterrado da mãe. Tudo cumprido, Alexandre Marques Rodrigues vai muito além. O jogo de identidades entre personagens – que perturba o leitor tanto quanto lhe impõe investigá-los, decifrá-los, mapeá-los, confirmá-los a cada página – é caso muito sério, ocasião em que a literatura capta o espírito dissolvido de um tempo sem que da engenharia do escritor se ouça o mais mínimo ruído.


#RESENHA

Trago mais uma resenha para vocês, dessa vez, é do livro do autor nacional Alexandre Marques Rodrigues, ENTROPIA, sim o nome é estranho, mas você já deve ter lido esse nome em algum lugar!
Sim, na escola!
Mas o que é entropia? Em termodinâmica, entropia é a medida de desordem das partículas em um sistema físico.
Saindo da aula de física, voltamos para o livro. Bom, a obra não foi o que eu esperava. Primeiro acho que pedi o livro errado, por que ao ler no catálogo de pedidos achei que se tratava de uma obra sobre escrita e tal, dicas de escrever, mas na verdade é um romance, com várias histórias dentro.
O livro tem uma formatação muito diferente, mas não é algo incomum, não para mim, pois já vi livros assim, onde nenhum parágrafo se inicia com letra maiúscula. É bem diferente, mas o problema todo não é esse, e sim, a forma louca como o autor construir tudo.
Ele constrói três ou talvez quatro personagens, Constantina, Roberto (ou Bernardo?) e Cecilia. O autor escreve a obra no ponto de vista de todos os personagens acho que foi por isso que me confundi, por que para mim livros assim deixam muito confuso o leitor.
Ai você me pergunta: do que se trata a história? Bem, eu não entendi muito, mas traições, vida dupla e distanciamento são palavras chaves nessas histórias. São pessoas que se ligam no livro.
Para quem curti histórias bem loucas esse é uma boa escolha!


Resenhado por Tony 
Tony Ferr

Sou Tony Ferr e amo o que faço. Tenho 23 anos, ainda! Sou escritor apaixonado e blogueiro por vocação! Amo romances de época e contemporâneos, falando de amor está na minha estante! A música e a pintura também fazem parte de mim.

3 comentários:

  1. Muito boa! Gostei muito!

    ResponderExcluir
  2. Também não é meu estilo!!!!

    ResponderExcluir
  3. Li a primeira história na livraria e achei o livro interessante. Mas tb me senti perdida quando fui para o segundo capítulo.
    http://www.falamaya.com/

    ResponderExcluir

DICAS LITERÁRIAS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS